Desde o Séc. XVII que o vinho da Madeira é reconhecido como um dos grandes vinhos do Mundo. O Madeira deve as suas características e qualidades únicas ao trabalho incansável de gerações, e aos seus terroirs.

É um vinho inesquecível que combina características raramente se conjugam: finesse, elegância, complexidade, densidade, intensidade, persistência e frescura.

Os nossos vinhos têm um estilo particularmente rico, complexo e longo, com a acidez fina é característica dos vinhos da Madeira.

O segredo do nosso estilo único e lendário reside na riqueza inigualável dos nossos terroirs e vinhas, em paralelo com o meticuloso cuidado tido em todas as facetas do processo de vinificação e envelhecimento. O acesso à melhor e mais abrangente seleção de fruto na região permite-nos criar vinhos de qualidade, precisão e singularidade, que verdadeiramente exprimem a diversidade da Madeira.

Vindimados á mão, são produzidos de acordo com as tradições, a partir das castas tradicionais da ilha da Madeira, em solos vulcânicos e clima subtropical, e o resultado da perícia e saber acumulados apela família o longo de dois séculos.

Desde o dia em que são fortificados até ao dia em que são engarrafados, quando atingem o perfeito estado de maturidade, os vinhos estão sob a constante supervisão do Enólogo da Blandy’s e da sua equipa de tanoeiros.

É no final da vindima que são identificados os vinhos de maior potencial e qualidade; de imediato colocados no programa de envelhecimento específico da empresa, em velhos cascos de carvalho Americano que estão armazenados nas Blandy’s Wine Lodges, as adegas da família, localizadas no centro do Funchal. As adegas, em tempos um anexo de um Mosteiro Franciscano do Séc. XVII, são um elemento chave no processo de maturação, devido ao micro-clima excepcional, resultante do soalho de madeira, das paredes de pedra e proximidade do mar.

Existem duas qualidades distintas de vinhos da Madeira: os vinhos de indicação de idade, e os vinhos com indicação de ano de colheita.